Prefeitura do Recife projeta investimento histórico de R$ 1,6 bilhão até 2024

Foto: Rodolfo Loepert/PCR

 

Prefeitura do Recife projeta investimento histórico de R$ 1,6 bilhão até 2024

Equilíbrio Fiscal atingido pela Secretaria de Finanças foi determinante para o plano do município de executar o maior ciclo de investimentos da sua história

A Prefeitura do Recife lançou o “Recife na Rota do Futuro”, um Plano Estratégico do Recife daqui para a frente. Trata-se do desenho das ações que a gestão do prefeito João Campos vai se dedicar para realizar até 2024, com foco na transformação e na realização dos anseios da população. Por parte da Secretaria de Finanças, o processo de buscar o equilíbrio fiscal foi feito e segue avançando. O resultado garantiu a evolução na capacidade de crédito, que vai permitir executar o maior ciclo de investimentos que a cidade já realizou, de R$ 1,6 bilhão nos próximos anos, a partir de linhas de crédito de bancos internacionais.

“Nós tivemos uma palavra de ordem: reduzir despesa e cortar na carne para conseguir aumentar a nossa capacidade de investimento. A gente sabia que o cobertor era curto, mas a gente precisava fazer o dever de casa para que a tão esperada Capacidade de Pagamento (CAPAG) definida pela Secretaria do Tesouro do Recife pudesse melhorar”, explicou o prefeito do Recife, João Campos.

A secretária de Finanças, Maíra Fischer, ressaltou o esforço para atingir a condição fiscal que garante uma melhor posição na capacidade de crédito. “Foi necessário um movimento interno importante, com medidas sólidas de ajuste fiscal que não causassem impacto nos serviços essenciais prestados às pessoas. Essa prévia nos mostra que atingimos o cenário para conquistar a Capag B, que nos dá acesso a linhas de crédito com juros mais baixos e prazos de pagamento mais longos. Isso nos permite planejar o maior ciclo de aportes em projetos importantes da cidade, definidos em diálogo com a população”, detalhou.

Até 2024, a atual gestão municipal trabalhará em torno da execução de 97 programas que reúnem 406 iniciativas estratégicas que devem colocar o Recife em um outro patamar de desenvolvimento sustentável, econômico e humano. A partir da implementação dessas ações a administração municipal pretende alcançar 104 metas que devem proporcionar uma mudança efetiva na qualidade de vida dos cidadãos e cidadãs recifenses. O Plano é público e segue anexo. Também é possível acessá-lo no endereço (https://conectarecife.recife.pe.gov.br/planejamento-estrategico-2021-2024/ ).

Sobre o planejamento estratégico da gestão, o prefeito destacou a transparência com que foi feito. “A gente pegou o nosso planejamento estratégico e estamos abrindo ele para qualquer pessoa do Recife. Todo recifense pode conhecer e deve conhecer, com o direito de concordar e discordar dele. Mas a gente precisa dizer a todo o nosso povo, o caminho que a gente vai seguir. Estamos abrindo as mais de 400 ações, dizendo o quanto é que a gente vai investir, quanto é que vai ter de custeio em cada uma delas, de maneira muito transparente. O caminho que nós temos pela frente, não pertence a João, esse é o caminho da cidade”, anunciou o prefeito do Recife, João Campos.

Com o objetivo de alcançar maior efetividade das ações governamentais, o Mapa da Estratégia, ferramenta visual de gestão, apresenta as pessoas no centro das prioridades buscando a promoção de uma cidade com mais igualdade de oportunidades para todos e todas. De forma objetiva, a Prefeitura do Recife reforça o seu compromisso com a transparência nas ações, a qualidade dos serviços prestados, a busca pela inovação e a eficiência no uso dos recursos. Assim, a partir de elementos ilustrativos, o Mapa da Estratégia faz referência à diversidade cultural, social e geográfica da cidade, refletindo a transversalidade das oportunidades e dos desafios a serem enfrentados, representados através dos objetivos estratégicos apresentados para serem perseguidos pela gestão.